Backstage : GOOGLE | Capítulo I


O Backstage será uma série de matérias sobre figuras importantes pro mundo da tecnologia trazendo o outro lado das cortinas, e nada como começar com um nome famoso!


O Google (Big g para os íntimos) fez no dia 29 de setembro um evento para lançar alguns dos seus produtos e entre os mais aguardados estão o LG Nexus 5X e HUAWEI Nexus P6.

Um momento polêmico na história do nosso gigante, foi a aquisição/venda da Motorola, o que aconteceu?


A resposta é sim, o Google comprou a Motorola por ( US$ 12,5 bilhões) e a vendeu 2 anos depois para a Lenovo por (US$ 2,91 bilhões) de cara qualquer um já afirma que o Big G perdeu muito dinheiro, e não é bem assim.
Antes do Google...
A Motorola vivia um declínio eminente, o Hardware agradava a poucos e seus softwares nativos visualmente feios, fora que o mercado Americano não é receptivo a empresas de fora, a Sony ainda hoje tenta se estabelecer no mercado Americano Mobile, os Americanos que não optam por Iphone acabavam escolhendo a Samsung, que no caso investe todos os anos em marketing e patrocínios para conseguir conquistar o coração cético e resistente do Americanos. Com a ré estilização que a Google fez na marca Motorola e ela entrando para o portfólio do gigante das buscas ela ganhou o Green Card, e teve a grande chance de ser um concorrente à altura, e acabou sendo pelas linhas Moto G, Moto X, pela combinação de Design e preço justo, fator raro de se ver em terra onde Samsung e Apple extrapolam no preço de seus produtos onde ela se tornou competitiva.
Porque o Google comprou a Motorola?
Simples, a Motorola é uma das pioneiras do mercado Mobile e possui 17 mil patentes o que com a aquisição cessaria brigas judiciais com o big G, e claro a oportunidade de processar outros e lucrar com os direitos, é isso mesmo, O Google nunca teve interesse em seguir com a Motorola Mobility, até porque a empresa dava muito prejuízo fechando dois trimestres com perdas consecutivas e para se tornar rentável exigiria muito investimento.
Porque o Google vendeu?
Por questões de licenciamento do Android o Google não pode se tornar concorrente direto dos outros fabricantes que usam seu S.O, o que faria com que aliados poderosos como Samsung, LG, Sony e entre outros abandonassem o Android o que tiraria do Android o posto de sistema operacional mais utilizado com 81% do mercado. Outro pequeno detalhe a Motorola foi vendida às pressas, rumores high-tech dizem que no mesmo ano de venda a Samsung e Google renovariam o contrato de licenciamento do Android e a Samy (Samsung) "exigiu" que o Google abandonasse a Motorola porque seria concorrência desleal, então juntando já a falta de interesse de entrar no mercado acirrado que é o Mobile a Google tinha mais motivos pra vender.
A Lenovo que anteriormente já teria tentado comprar a Black Berry foi a escolhida porque abriria mão de 15 mil patentes que eram o interesse do Google e ficaria apenas com 2 mil e a Motorola Mobility com a “filosofia Google”, o que foi ótimo já que a empresa queria se popularizar e a Motorola era perfeita para isso.

Em resumo, Big G não brinca em serviço desde aquisição até a venda foi um ótimo negócio onde tudo colaborou para um futuro promissor.

Compartilhar no Google+

Sobre Wagner Johnatan

    Comentários do Disqus
    Comentários do Facebook

0 comentários :

Postar um comentário